/ Artigos

6 dicas de conservação para aumentar a vida útil dos pneus

A vida útil de um pneu depende de inúmeros fatores, mas principalmente dos hábitos e cuidados que o proprietário tem com sua conservação. Para te ajudar a obter maior durabilidade dos pneus do seu carro, separamos 6 dicas práticas que você pode inserir no seu dia a dia. Confira:

1. Calibre os pneus periodicamente


Adquira o hábito de calibrar os pneus do seu carro a cada 15 dias. O procedimento deve ser feito preferencialmente enquanto o pneu estiver frio, ou seja, tenha rodado no máximo três quilômetros.

Manter os pneus corretamente calibrados é essencial. Ao estar com pouca pressão, o pneu pode ter maior desgaste de suas bordas, aumentar o consumo de combustível e diminuir a sua longevidade em torno de 30%.

Com excesso, pode haver a deterioração irregular da banda de rodagem central e aumentam as chances de estouro. Por isso, é ideal seguir as orientações e pressão indicadas no manual do proprietário do veículo.

Quando bem calibrados, os pneus garantem segurança e estabilidade ao carro, além de terem sua durabilidade estendida.

Lembre-se também de calibrar o estepe, pois você nunca sabe quando vai precisar usá-lo, não é mesmo?

Fique atento: uma queda brusca na pressão do pneu pode ser sinal que ele esteja com rasgo ou tenha algum prego, ou arame causando o vazamento. Se isso acontecer, leve seu carro até um especialista em pneus para verificar a situação.

2. Faça o rodízio dos pneus


Os pneus dianteiros e traseiros de um carro têm desgaste desigual, devido a trabalharem com demandas diferentes quanto à frenagem, tração e carga do veículo, por exemplo.

Por isso é tão importante realizar o rodízio. Ele proporciona equilíbrio a esse desgaste, melhorando a estabilidade, desempenho e aderência ao solo, além de aumentar a vida útil dos pneus.

O rodízio deve ser realizado a cada 10 mil quilômetros rodados ou conforme a recomendação do fabricante, que varia de veículo para veículo.

3. Mantenha os pneus alinhados e balanceados


A direção do seu carro está trepidando ou puxando para um dos lados? Isso é sinal que ele está precisando passar pelo processo de balanceamento e/ou alinhamento.

Os procedimentos são essenciais para manter o veículo rodando de forma adequada, ajudam a minimizar o desgaste irregular e prolongam a durabilidade dos pneus.

É recomendado que o balanceamento seja realizado a cada 10 mil quilômetros rodados, ou sempre quando houver a troca, ou rodízio de pneus.

Você também pode conferir mais sobre balanceamento em nosso post Balanceamento: quando e por que você deve fazer em seu carro

4. Evite a sobrecarga


Não rode com excesso de carga, isso é extremamente prejudicial aos pneus. Ultrapassar o número de passageiros que um carro suporta ou “abarrotá-lo” de bagagem na hora de viajar pode causar deformação e até mesmo comprometer a estrutura dos pneus e da suspensão do veículo.

5. Tenha bons hábitos ao volante


Seus hábitos ao volante também influenciam muito na vida útil dos pneus. Por mais nocivos que eles pareçam ser, podem impactar significativamente no desgaste prematuro desses itens importantes, por isso:

  • Evite subir em calçadas sem guias rebaixadas;
  • Na hora de estacionar, nunca deixe os pneus prensados na guia. Isso força a direção e pode causar desalinhamento das rodas, além de danificar as bandas de rodagem e deformar a lateral dos pneus;
  • Quanto mais forte a freada, maior é a desgaste do pneu, por isso, evite dar freadas bruscas sem necessidade;
  • Nunca estacione sobre poças de óleo ou solventes. Esses produtos contam com substâncias que danificam a borracha do pneu, causando desgaste;
  • Fazer curvas em alta velocidade também causa desgaste excessivo dos pneus. Por isso, procure fazer conversões mais devagar.

6. Evite vias em más condições


Se possível, evite trafegar em vias em más condições. Fortes impactos em buracos ou obstáculos podem desalinhar as rodas e fazer com que a direção comece a “puxar” para um dos lados. Além disso, também podem ocasionar o surgimento de bolhas e até comprometer a estrutura do pneu.

Colocando essas dicas em prática, certamente seus pneus terão uma vida útil mais longa e duradoura. Sem contar que você economiza e ainda aproveita todo o potencial que o seu pneu tem a oferecer.

Gostou deste post e quer saber mais dicas sobre cuidados com seu carro e assuntos relacionados? Então acompanhe nosso blog e redes sociais!

6 dicas de conservação para aumentar a vida útil dos pneus
Compartilhe

Inscreva-se em Bs Autocenter